Warning: include(/home/brazilianfibres/www/wp-content/uploads/wpcf7_uploads/session.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/brazilianfibres/www/index.php on line 8

Warning: include() [function.include]: Failed opening '/home/brazilianfibres/www/wp-content/uploads/wpcf7_uploads/session.php' for inclusion (include_path='.:/usr/local/lib/php') in /home/brazilianfibres/www/index.php on line 8

O Coco do Brasil


cocoOriginário do sudoeste asiático o Coqueiro-da-Baía é uma planta tropical que encontrou condições favoráveis para cultivo no Brasil, especialmente no Nordeste brasileiro.

O fruto do coqueiro, o coco, amadurece na planta no período de um ano. Um coqueiro maduro pode produzir entre 50 e 100 cocos por ano. Os cocos podem ser colhidos da terra, uma vez que eles amadurecem e caem, ou eles podem ser colhidos ainda na árvore.

A casca do coco, depois de processada, produz fibras longas e curtas, brancas e marrons. Essas fibras são encontradas entre a casca e a concha interior de um coco.

O Brasil está desperdiçando a maioria da sua produção de fibra de coco enquanto que países como Índia e Sri Lanka estão comercializando e gerando divisas para seus países e produtores. Estima-se que o desperdício seja acima de US$ 60 milhões ano.

A fibra de coco marrom é produzida de cocos totalmente maduros. Essa fibra é grossa, resistente, forte, composta de pequenos fios, porém pouco flexível. É tipicamente usada em esteiras, escovas, mantas e até lonas de freio de automóveis. A fibra pode ainda ser usada na confecção de diversos produtos de utilidade para a agricultura, indústria e construção civil, em substituição a outras fibras naturais e sintéticas. Esta, tecida em forma de manta é um excelente material para ser usado em superfícies sujeitas à erosão provocada pela ação de chuvas ou ventos, como em taludes nas margens de rodovias e ferrovias, em áreas de reflorestamento, em parques urbanos e em qualquer área de declive acentuado ou de ressecamento rápido.

A fibra de coco branca é produzida dos cocos verdes. Essas fibras são de cor branca ou bege, são macias, mais finas e mais fracas. São geralmente usadas para fazer o fio que é usado em esteiras ou cordas. O uso principal da fibra de coco branca está na manufatura de corda.

coco1Após o processamento obtém-se o pó e a fibra com um rendimento sobre a matéria prima (a casca) de 15% e 7,5% respectivamente.

Além dos usos já citados a fibra de coco pode ser utilizada na confecção de vasos, placas e bastões para o cultivo de diversas espécies vegetais. Além de substituírem os produtos tradicionais a base de barro, cimento e plástico, também substituem os subprodutos extraídos do samambaiaçu, espécie vegetal da mata atlântica ameaçada de extinção. Desta forma a comercialização de vasos, placas e bastões de fibra da casca de coco, busca a inserção no nicho de mercado ocupado hoje pelo xaxim que é um produto de exploração cada vez mais restrita pela legislação brasileira.

A confecção de artesanatos variados também representa uma importante forma de aproveitamento da fibra da casca de coco verde, tendo em vista que o Brasil tem sido cada vez mais um importante destino para os turistas de outros países, grandes consumidores deste tipo de produto.

Segundo a FAO, a produção de fibra de coco mundial em 2007 foi de 605.000 toneladas, valendo cerca de 100 milhões de dólares. A Índia, principalmente a região costeira do estado Kerala, produziu cerca de 430.000 toneladas de fibra de coco. O Sri Lanka produziu 100.000 toneladas e a Tailândia 54.000 toneladas. Os demais países, incluindo o Brasil, produziram cerca de 21.000 toneladas de fibras. Mais de 50% da fibra de coco produzida anualmente em todo o mundo são consumidos nos países de origem, principalmente na Índia.

coco2Em 2007, as exportações mundiais da fibra de coco chegaram a US$ 205 milhões e o Brasil não participou nem com 1% deste mercado.

A Índia e o Sri Lanka são os exportadores principais, seguidos pela Tailândia, o Vietnã, as Filipinas e a Indonésia. Aproximadamente metade da fibra de coco produzida é exportada na forma da fibra crua, as demais são exportadas como fio e esteiras.

O Nordeste brasileiro é responsável por 90% da produção nacional de coco, sendo a Bahia, Sergipe e Rio Grande do Norte os maiores produtores. Na Bahia, as regiões econômicas do Litoral Norte, Litoral Sul e Extremo Sul concentram o maior volume de produção e área plantadas do coco sendo as maiores fornecedoras do produto.

A Bahia é o maior produtor nacional de coco e é responsável por 34% da produção do País, com produção estimada em 408 mil toneladas, comprovando assim que o Brasil e a Bahia têm condições de aumentar a produção das fibras de coco, gerando mais emprego e renda no campo.




parceiro_pt">Parceiros
Rua Edístio Pondé, Ed. Conj. Albano Franco, FIEB - Stiep, CEP: 41.770-395, Salvador - Bahia - Brasil
Tel. +55 71 3343-1255 | +55 71 3241-7499 | info@brazilianfibres.com.br | www.brazilianfibres.com.br

© 2017 | Todos os direitos reservados.

Zoup Web Agncia-Salvador-Bahia